RevsNet

From the halls of Foxboro Stadium…

HAT TRICK DE KHELI DUBE

Posted by tonybiscaia on August 27, 2009

By Walter Silva

Foi com um hat trick de Kheli Dube, que o Revolution bateu o seu adversário o Real Salt Lake por um concludente de trez a um, e foi o primeiro hat trick da curta carreira deste africano ao serviço da equipa de Foxboro.

E o Revolution começou bem a partida, e logo aos 7 minutos o regressádo Mauricio Castro pos á prova o guarda redes Nick Rimando que fez uma exçelente defesa para canto, foi um aviso para o que vinda de seguida.

No minuto seguinte foi mesmo golo, Jay Heaps mete a bola em Castro este passa por um adversário cruza para a area e Dube muito rápido a apareçer e a rematar para o fundo da baliza. Estava feito o primeiro do jogo e o primeiro de trez para o avançado africano, o Revolution entrou muito bem neste jogo, com o portugues Michael Videira em bom plano,e a entender-se muito bem com Kheli Dube.

Na jogada seguinte o Real podia ter empatado, falha clamorosa de Matt Reis que deixou escapar a bola á entrada da area e Robbie Findley com a baliza completamento deserta mandou a bola ao poste. Foi a melhor oportunidade de golo do Real Salt Lake em todo o jogo, mas Matt Reis havia de se redemir com duas defesas de luxo.

E aos 29 minutos de jogo o Revolution aumentou a sua vantagem, o portugues Michael Videira escapa-se ao desesa direito do Real Salt Lake, entra na area remata em jeito e Nick Rimando faz uma exçelente defesa , mas não consegui segurar a bola e Dube muito rápido apareçeu e rematou para o fundo da baliza, fazendo o seu segundo golo do jogo.

O Revolution ia controlando bem o jogo, com Shalrie Joseph e Michael Videira a manobrarem todo o jogo ofensivo da equipa comandada por Steve Nicol que já se sentou no banco depois de dois jogos de suspensão. Ainda antes do intervalo Andy Williams com um cruzamento bem medido servio seu colega Robbie Findley que de cabeça rematou por çima da barra da baliza á guarda de Matt Reis.

Com o resultado de 2-0 favoravel á equipa da casa que se chegou ao intervalo, foi o Revolution que mais procurou o golo durante os primeiros 45 minutos de jogo, com o regressado Mauricio Castro a fazer uma exçelente primeira parte, muito bem acompanhado por Michael Videira e Shalrie Joseph.

No lado do Real Salt Lake o capitão Kyle Beckerman mastigava muito o jogo ofensivo da sua equipa, com a bola a demorar muito a chegar á linha mais avaçada da sua equipa, e só por uma vez incomodaram o guarda redes do Revolution.

Na esgunda metade a equipa de Salt Lake City vinha disposta a mudar o rumo aos aconteçimentos, e cause o conseguia, por duas vezes podia ter chegado ao golo não fosse as duas exçelentes defesas do veterano guarda redes Matt Reis que se redimio do erro que cometeu nos primeiros 45 minutos.

E foi aos 54 minutos de jogo que o Real Salt lake ensaiou a melhor jogada do jogo com Andy Williams a trocar a bola com vários colegas e a fazer o cruzamento para a cabeça de Will Johnson que rematou para uma grande defesa de Matt Reis. Na resposta Kevin Alston isola Kheli Dube que rematou forte e colocado para boa defesa de Nick Rimando para canto, na resposta Espindola apareçeu isolado e rematou forte e colocado para nova grande defesa de Matt Reis para canto.

Se ainda nesta altura do jogo havia dúvidas quanto ao vençedor deste jogo, ficou desfeita ao minuto 65, quando Shalrie Joseph descaido do lado direito como atacava a equipa da casa, cruzou com conta peso e medida e Kheli Dube com o pé direito a desviar a bola fora do alcançe de Nick Rimando.

Foi o terçeiro golo da conta pessoal de Kheli Dube que foi sem dúvida o homen do jogo, não é todos os dias que se fazem 3 golos num só jogo. Mas o Real Salt lake havia de marcar o seu ponto de honra, já caminhavamos para o apito final do árbitro, quando Andy Williams meteu a bola na area do Revolution e quando Darrius Barnes tentava aliviar a bola para longe da sua baliza, mais não fez do que intrudozir a bola na sua baliza.

Foi um castigo para Matt Reis, que mereçia sair deste jogo sem que as suas redes fossem violadas, mas por outra parte foi um prémio para Andy Williams que muito fez para que a sua equipa sai-se de Foxboro com pelo menos um ponto. Não se perçebe como é que o treinador do Real Salt Lake deixa este jogador no banco, foi com a sua entrada que os visitantes apareçeram mais no jogo.

Quando ao Revolution com esta vitória fez 6 pontos em pouco mais de quatro dias, depois de uma vitória sofrida por 1-0 frente á forte fomação do Seatle Sounders, na quinta feira passada.

Foi uma vitória justa, e o Revolution agora só com o pensamento no campeonato, e com a sua equipa cause toda á disposição do treinador Steve Nicol, só com a exçessão de Taylor Twellman que proválvelmente não jogará mais esta temporada, é uma equipa que pode competir de igual para igual com todas as equipas do MLS, embora não tendo jogadores de grande nome.

No próximo sábado pelas 7.30 da tarde o Revolution reçebe a visita do São José Terramotos, e poderá ver este jogo no canal de televisão WSBK TV 38.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: