RevsNet

From the halls of Foxboro Stadium…

Visitantes Foram Melhores

Posted by tonybiscaia on April 11, 2011

By Walter Silva

Note: for photos from the game click here.

Foram de longe a melhor equipa em campo, o Real Salt Lake mesmo sem seis titulares deram uma lição de bem jogar á equipa comandada por Steve Nicol.

Foi por demais notório que mesmo os menos utilizados dos comandados de Jason Kreis são bem melhores do que os titulares do Revolution.

Como é que se pode afirmar uma coisa destas em apenas um jogo? É porque na ultima vez que estas duas equipas se encontraram o Revolution encaixou 5-0, e não foi só o resultado em si, foi o futebol praticado pelas duas equipas, o Real Salt Lake foi de longe muito melhor.

Mas foi preçiso esperar até ao minuto 21 para que houvesse uma jogada de perigo junto de uma das balizas, quando Collen Warner meteu a bola em Will Johnson este rematou forte para boa defesa de Bobby Shuttleworth para canto.

Pouco depois e na única jogada que o Revolution conseguio construir em toda a primeira parte terminou com um remate de Kenny Manssaly muito perto do poste esquerdo da baliza á guarda de Kyle Reynish.

Pouco depois e resultante de um pontapé de canto o Real Salt Lake chegaria ao primeiro golo do jogo. Canto apontado do lado esquerdo como atacava a equipa visitante, por Jean Alexandre e Chris Schuler a saltar mais alto do que o guarda redes do Revolution e a rematar de cabeça para o fundo da baliza.

Foi um golo em que o guarda redes do Revolution, Bobby Shuttleworth ficou muito mal na fotografia,é que o defesa do Real conseguio chegar com a cabeça a onde o guarda redes não o conseguio com as mãos.

A partir do golo o Real ainda começou a fazer girar mais a bola em todo o campo, não dando qualquer hipotese ao Revolution de criar qualquer situação de perigo junto da sua baliza.

E chegou o apito final dos primeiros 45 minutos e pareçe que foi um alivio para a equipa da casa,que pareçia estar só á espera de que o árbitro desse por terminado os primeiros 45 minutos.

No segundo tempo foi mais do mesmo, foi uma equipa a jogar e a outra a ver jogar, e nem mesmo as duas alterações feitas ao intervalo pelo Revolution não vieram alterar mesmo nada, as saidas de Zack Schilawski, que continuo a dizer que este jogador não tem lugar em qualquer equipa do MLS, e Stephen McCarthy, para as entradas de Ilija Stolica e Sainey Nyassi, não veio alterar nada.

Era a equipa forasteira que jogava a seu belo prazer, e não foi com supresa que chegariam ao segundo golo do jogo, e assim acabaram com algumas aspirações dos comandados de Steve Nicol, se é que ainda as tivessem.

E aos 47 minutos de jogo o Real Salt Lake chegou ao seu segundo golo, bola metida por Will Johnson no brasileiro Paulo Araujo Jr, este passou por Didier Domi com uma façilidade tremenda e em frente ao guarda redes foi só rematar para o canto superior esquerdo da baliza á guarda de Bobby Shuttleworth.

E que este brasileiro Paulo Araujo Jr é mesmo bom de pés, e deu um trabalhão ao frances Didier Domi, que cause nunca se atreveu a ir ao ataque, uma coisa é çerta, é que antes de se iniçiar a partida no press box alguém dizia quando sai o onze iniçial, que os suplentes do Real Salt Lake eram melhores que muitos jogadores do Revolution.

E foram algumas as oportunidades que o Real criou durante o resto do jogo, mas a partir do dois a zero começou as picardias entre alguns jogadores que resultou em duas expulsões, Shalrie Joseph para o lado do Revolution e Will Johnson para o lado do Real Salt Lake.

Para pouco depois ser a vez de Pat Phelan reçeber ordem para air para o banho mais çedo por uma entrada á margem da lei, era o desespero por parte dos jogadores do Revolution. Ainda houve alguem que fez a pergunta, será que o Real é assim tão bom, ou é o Revolution que é assim tão fraco, e eu respondi são as duas coisas, e é mesmo verdade, mesmo com o regressado Marko Perovic, muito fora do seu melhor, esta equipa do Revolution tem muito que se lhe diga .

Conclusão, vitória çerta da melhor equipa em campo, e que melhores jogadores tem no plantel, o Revolution terá que repensar em melhorar o plantel, mesmo com o novo recruta que veio da Dinamarca não sera o sufiçiente para que esta equipa possa ficar mais forte.

No proximo domingo pelas 7 da noite o Revolution vai até Houston para defrontar o Houston Dynamo, poderá ver este jogo o Comcast Soccer Net

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: