RevsNet

From the halls of Foxboro Stadium…

Alston Ajudou Na Derrota

Posted by tonybiscaia on August 16, 2011

By Walter Silva

Neste jogo até o Revolution começou bastante melhor do que a equipa da casa, leader da sua zona era de esperar melhor.

E foi com a ajuda de Kevin Alston que a equipa da casa consegui chegar ao empate, esteve numa tarde infeliz este lateral direito, que até aqui tem sido dos menos maus desta equipa comandada por Steve Nicol.

Com algumas perdidas flagrantes o Revolution mesmo assim consegui chegar ao intervalo na frente do marcador. A equipa da casa aos poucos foi sacundindo a pressão que os forasteiros foram inpondo no iniçio do jogo e aos 25 minutos de jogo Robbie Rogers obrigou Matt Reis a boa defesa. Na resposta Benny Feilhaber cruza atrazado para Zack Schilawski rematar forte para defesa apertada de William Hesmer.

Mas na resposta Matt Reis vai fazer a que foi a defesa da tarde, Justin Meram cruza para a area e o central Chad Marsall de cabeça reamata para a defesa da tarde.
O jogo era de parada e resposta, e foi já em çima dos 45 minutos que o Revolution abri o ativo,boa troca de bola entre Pat Phelan e Benny Feilhaber com este a rematar forte e colocado fora do alcançe de William Hesmer. Estava feito o primeiro golo do jogo, e veio numa boa altura, não fosse qualquer altura boa para marcar um golo, mas mesmo já perto da ida para o descanso nada melhor do que ir na frente do marcador.

Não seria justo dizer que este era um resultado justo, nada disso, porque a equipa da casa aos poucos foi equilibrando o jogo e a partir dos 15 minutos o jogo foi repartido, não havendo grandes oportunidades de golo para ambos os conjuntos. Mas tambem não ficava mal este resultado ao Revolution, porque durante toda esta temporada e em vários jogos tem sido ao contrário, em que o Revolution tem sido melhor e tem ido para o descanso a perder.

O segundo tempo começou com a equipa da casa a correr atráz do prejuizo, e não queria perder o primeiro lugar na classificação, e era preçiso marcar o mais depressa possivel, para não dar mais confiança ao Revolution.

Mas só com a infeleçidade do defesa Kevin Alston a equipa da casa chegou ao empate, era decorridos 54 minutos de jogo quando Andres Mendoza mete a bola para a area á procura de Robbie Rogers e o defesa do Revolution ao tentar meter a bola por çima da sua baliza mais não fez do que fazer um chapéu de abas bem largas a Matt Reis. A partir do golo o Columbus Crew começou a carregar ainda mais á procura do golo que lhe desse os trez pontos para continuar a comandar a sua zona.

E aos 62 minutos de jogo o central portugues AJ Soares teve nos pés o segundo golo do Revolution, mas fez o mais difiçil, a um metro da baliza este rematou e a bola foi bater na trave e ressaltou para as mãos do guarda redes do Columbus Crew.

E aos poucos a equipa da casa empurrava o Revolution para perto da sua baliza, e aos 75 minutos de jogo e na marcação de um pontapé de canto a equipa da casa adianta-se no marcador.

Canto apontado do lado do esquerdo por Josh Gadner para a frente da baliza e Julius James a saltar mais alto do que toda a defesa do Revolution e a fazer o segundo golo da sua equipa. Pouco depois o treinador do Revolution fez entrar o jovem Diego Fagundez, mas sem ainda ter tocado na bola e já o Columbus Crew “matava” o jogo fazendo o terçeiro golo.

E foi o reçem entrado Emilio Rentaria ao reçeber um passe de Robbie Rogers apareçeu isolado e não se fez rogado rematando para o fundo da baliza, estava feito o terçeiro golo para a equipa da casa.

O Revolution bem que tentou reduzir a desvantagem, mas a falta de sorte foi notória nestes minutos finais,mas foi a equipa da casa que ainda podia ter aumentado a contagem quando Imilio Rentaria parareçeu isolado rematou para boa defesa de Matt Reis. Não mereçia sair deste jogo sem pontos, o Revolution fez tudo para sair do estado do Ohio pelo menos com um ponto, na equipa de Steve Nicol Shalrie Joseph voltou a ser o melhor, acompahado de perto por Benny Feilhaber, que veio a render muito mais quando passou para o çentro do terreno.

Quanto ao argentino Milton Caraglio não esteve nada bem, algo pesado e muito trapalhão, vai ter de jogar muito mais do que isto para condizer com o seu ordenado, pois é o jogador que mais ganha nesta equipa do Revolution. No Columbus Crew, Robbie Rogers sem duvida o seu melhor jogador, Andres Mendoza enquanto jogou deu imenso trabalho á defensiva do Revolution.

Esta semana será uma semana deçissiva para o Revolution chegar aos playoffs, mas para isso terá de vençer os dois jogos.

O Revolution volta a jogar já esta quarta feira frente ao Houston Dynamo pelas 8 horas da noite, e no próximo sábado pelas 7.30 da tarde reçebe o Red Bulls, poderá ver ambos os jogos no Comcast Soccer Net.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: