RevsNet

From the halls of Foxboro Stadium…

Jogo Morno, Em Noite Fria

Posted by tonybiscaia on June 17, 2012

By Walter Silva

Numa noite fria o futebol esteve arredado do estádio Gillette, uma semana de descanso não fez nada bam aos comandados de Jay Heaps. E até o começo do jogo dei para perçeber que podia ser um bom jogo de futebol, engano nosso foi um jogo todo ele muito tático, com o meio campo muito povoado, não havendo muito espaço para se jogar.

Logo nos primeiros minutos de jogo qualquer uma das equipas podia ter marcado, primeiro foi Benny Feilhaber a rematar forte e colocando a bola ainda a roçar o poste da baliza de Andy Gruenebaum.

Mas logo de seguida Milovan Mirosevic o Sérvio ao serviço do Columbus Crew rematou forte para boa defesa de Matt Reis. Isto logo nos primeiros 3 minutos de jogo, era o iniçio premissor para o que podia vir para o resto do jogo.

Mas os dois conjuntos pareçe que se assustaram com estas duas boas oportunidades de golo, e a partir dai remeteram-se a jogar a meio campo. Por volta dos 14 minutos de jogo cruzamento de Chris Tierny e Jose Moreno de cabeça remata mas á figura do guarda redes do Crew.

E a melhor oportunidade de golo apareçeu aos 29 minutos de jogo, com Shalrie Joseph a meter a bola em Saer Sene com este a encher o seu melhor pé o esquerdo e a bola bateu com um estrondo na barra da baliza do Columbus Crew.

Quanto aos primeiros 45 minutos estamos falados, um resultado que se ajustava pelo futebol que os dois conjuntos produziram.
No segundo tempo foi mais do mesmo, pouco futebol e poucas ou nenhumas oportunidades de golo.

E o perigo sou rondou uma das balizas por volta do 68 minutos de jogo, cruzamento de Justin Meram e Rentaria de cabeça a cabeçear mas á figura de Matt Reis.

E foi novamento Milovan Mirosevic a rematar de muito longe e cause supriendia o veterano guarda redes Matt Reis que defendeu com alguma dificuldade para canto.

A partir do minuto 70 não houve mais qualquer jogada de perigo, as duas equipa limitaram-se a jogar para não perder, um ponto na bagagem é melhor do que trez a fugir.

Este resultado foi melhor para a equipa visitante do que para os dono da casa, um ponto fora de portas não é mau, mas para quem joga em casa não é nada bom.

Castigo para a equipa do Revolution que cause sempre jogou a passo, e com um futebol muito denunçiado, o Revolution teve em Saer Sene o seu melhor elemento.

Do lado do Columbus Crew era de esperar mais, tem alguns jogadores de boa qualidade técnica, mas o Sérvio Milovan Mirosevic é de longe a sua melhor unidade, mas o seu guarda redes Andy Gruenebaum tambem mostrou service.

No proximo sabado o Revolution defronta em Toronto a equipa localpelas 5.30 da tarde jogo que poderá ser visto no Comcast Soccer Net.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: